Big Brother Brasil


Todos dizem que não vêem big brother, que é uma falta de cultura, que é isto, que é aquilo. A verdade é que independente da opinião de quem assiste tv aberta no brasil, o programa se mantém desde muito. Com um apresentador que se acha um Fernando Pessoa através de pseudo-poemas rimados no infinitivo, se encaixa perfeitamente no ditado chinês:

"Aquele que se julga sábio perante os tolos, parece tolo perante os sábios."

Mas se fosse somente isto, relevante seria. Adicione meia dúzia de híbridos de humanos-rinocerontes, com mais uma meia dúzia de correspondentes do gênero oposto, depois bata tudo em uma programação que nada acrescenta para no fim salpicar baixo calão à gosto. Pronto, a receita do sucesso está pronta para que a audiência desligue seu cérebro e se sinta anestesiada, inexplicavelmente feliz ao se incorporar à família bbb.





Televisão é CONCESSÃO DO ESTADO, e este deveria intervir em tamanho lixo digital. Mas não, está tudo bem, quanto mais lixo para a população, melhor.

É isto aí, o bbb continua seguindo seu legado alienador
o povo a mentalidade medieval 
de aplaudir o horror
trocando o bom pelo mal.

Opa, se liga nesta rima Pedro Bial, com certeza ela é no mínimo do nível das suas proferidas.


LIXO!!!!

BBB lixo cultural

1 comentários:

Big Brother é a universidade da juventude de cabeça vazia ...


Emoticon Emoticon