Presidenciáveis 2018



Caros amigos, o Brasil está de mal a pior. E não há sequer um mísero vislumbre de que as coisas serão resolvidas em seu cerne com o próximo presidente, seja ele qual for. Para que o Brasil realmente dê um impulso na qualidade de vida será necessário que os 3 poderes sejam reformados, PRINCIPALMENTE o legislativo. O executivo já não tem pulso pra fazer nada sem conchavo, o judiciário brasileiro é uma piada sofista de 5ª categoria, dando liberdade e aval à aqueles que roubam de montão, pois não adianta candidato A ou B(olsonaro) falar em prender ladrão ralé e fazer vista grossa ao cerne do problema brasileiro: A impunidade dos figurões da alta cúpula da iniciativa pública e privada do país.

Como dito anteriormente, a única saída pro Brasil ser um país melhor é no longo prazo reformas mudarem o modo do dinheiro ser distribuído no país. como por exemplo:
    * Impostos regionais apenas, onde você acompanha e fiscaliza o destinatário efetivo de onde seu dinheiro vai.
    * Menos estado, menos estatais, mais apoio e fomentação de micro empreendedores.
    * Menos juros pra grandes bancos e capital estrangeiro.
    * Mais impostos sobre pessoas que possuam mais valores, a classe média brasileira está totalmente sobrecarregada.
    * Fim de alguns monopólios, como o de distribuição do petróleo nacional, que eleva ações básicas que refletem no mercado como um todo.

Com isto, a questão que fica é: "Qual candidato está disposto a REALMENTE encarar tais problemas?" pois a forma de fazer política aqui no Brasil é se preocupar com seu mandato apenas, fazendo assim com que todas medidas sejam pensadas em curto prazo. Vou analisar sob minha ótica(minha opinião) o que os candidatos apresentaram até então:

*Candidato do PT: Seja ele quem for, representa essa instituição que deve ser banida do poder brasileiro. Claro que a forma com que foi expulso do poder não foi das melhores, e inclusive acarretou nessas diversas crises de comando na nação, mas chega de política de conchavo e populismo barato para se perpetuar no poder. E ainda bem que o PT daqui pra frente será um partido de derrotados, ou no caso de lula e José Dirceu, presidiários que é onde devem apodrecer.

* Alckmin: Representante da velha política. Mais um psdbista que não vai fazer nada, vai trabalhar em favor dos grandes capitais e corporações que nada têm a ver com o desenvolvimento do país. Apenas consigo mesmos.

* Marina: Talvez seja uma boa candidata, mas nem dá pra saber não é mesmo? Ela some e de 4 em 4 anos ela aparece como uma possível opção viável, apesar de adorar flertar com direita e esquerda dependendo do movimento. Veremos nos debates como se sai.

* Ciro: Um descontrolado que possui boas idéias, boas pessoas competentes ao redor, mas que não tem capacidade de lidar com adversidades e disfarçar seu jeitão de coronel.

* Amoêdo: Parece ser um bom candidato com ótimas idéias, mas sinceramente sua falta de experiência política pode ser um problema.

* Boulos: Mais um palhaço de uma esquerda caricaturada que vive no mundo da lua(apesar de ser bem esperto e lucrar com a pobreza dos outros).

* Bolsonaro: 8 ou 80. Tem hora que acho ele um candidato viável, e tem hora que acho ele um falastrão que só sabe falar coisas bonitas aos nossos ouvidos. Mas fico pensando se votar nele não seja uma certa forma de "protestar" e esperar que ele faça uma bagunça lá no executivo, que pra bem ou mal já seria algo diferente dos últimos 24 anos.

Enfim, de qualquer forma estamos prestes a entrar na eleição mais importante desde Fernando Henrique, e o que peço a vocês que analisem bastante o presidente e principalmente senadores e deputados, já que SÃO ESTES QUE DÃO BASE PARA QUE O GOVERNO DO PRESIDENTE FLUA SEM TURBULÊNCIAS. Se votar no presidente X, por favor vote nos outros cargos que apoiem X.
Chega de complô para que leis e emendas não saiam nesse país sem uns milhãozinhos por fora.(de milhão em milhão, não sobra nada para a educação)


Emoticon Emoticon